🤖 Microsoft desembolsa R$ 3,5 milhões por dia com ChatGPT: entenda!

COMP.

Sabe o ChatGPT? Aquela inteligência artificial super útil que ajuda a dar um up no perfil do Tinder ou a escrever documentos melhores? Pois é, apesar de ser gratuito para nós, alguém paga a conta – e essa alguém é a Microsoft. O preço é salgado: cerca de US$ 700 mil por dia, ou R$ 3,5 milhões, segundo estimativa do analista-chefe da SemiAnalysis, Dylan Patel. E a big tech tá correndo atrás de formas para reduzir essa despesa! 😱

O que pesa no bolso da Microsoft são os servidores necessários para manter a IA funcionando, já que o ChatGPT exige um poder de processamento monstruoso. Patel acredita que os gastos podem ser ainda maiores depois da chegada do GPT-4, a nova versão da IA, mais potente que a anterior.

Treinar IAs como essas já é um processo caríssimo, mas o custo de operação do ChatGPT consegue ser ainda maior! Por isso, a Microsoft vem trabalhando há quatro anos no desenvolvimento de um chip próprio chamado Athena, iniciado após o acordo bilionário com a OpenAI que exigia execução nos servidores Azure. 🤓

A ideia é que, com chips próprios, a Microsoft consiga reduzir os custos da operação do chatbot. Atualmente, a empresa utiliza GPUs da Nvidia, que são bem caras. Além disso, a Microsoft enfrenta a concorrência de gigantes como Google e Amazon, que também estão investindo em seus próprios componentes.

Mais de 300 funcionários da Microsoft estão envolvidos no projeto Athena, e os dispositivos devem ser lançados em 2024, para uso interno nos produtos da empresa e da OpenAI, incluindo o caríssimo ChatGPT. Será que vai dar certo? Estamos de olho! 👀

COLUNAS

WhatsApp

Receba as novidades direto no seu WhatsApp. É bem simples e assim você não perde nada. Você pode escolher os temas abaixo e entrar nos grupos.